Matemático Oswald de Souza se despede de previsões na TV Globo Matemático Oswald de Souza se despede de previsões na TV Globo - Valor X

Valor X

Laudos e Cálculos Judiciais, Cálculos trabalhistas, Cálculos previdenciários, Cálculos Financeiros, Cálculos bancários, Cálculos Matemáticos

CONSULTORIA EM CÁLCULOS

LightBlog

Posts Recentes

30/10/2018

Matemático Oswald de Souza se despede de previsões na TV Globo




Oswald de Souza estreou, no Show da Vida, em 1974, e calculava quantas pessoas seriam vencedoras na Loteria Esportiva.
 

O matemático Oswald de Souza esteve no Fantástico para uma despedida. Foram 40 anos de parceria com a TV Globo.
 
O Oswald de Souza estreou, no Show da Vida, em 1974, na época em que a Loteria Esportiva era a principal loteria do Brasil, e a zebrinha anunciava os resultados no Fantástico. O Oswald calculava quantas pessoas seriam vencedoras do concurso.
E, mais recentemente, ele passou a fazer as contas do Brasileirão. Qual é o risco de rebaixamento? Quais são as chances de título, de Libertadores?
Durante esse tempo todo, ficou eternizada a expressão "segundo o matemático Oswald de Souza”.
 
Segundo o matemático Oswald de Souza, o que significa este dia de adeus?
 
“Muito importante. Eu fico muito satisfeito do pioneirismo do meu trabalho, de constatar que isso serve como ferramenta de apoio paras transmissões esportivas e para o jornalismo em geral. Foi uma missão muito comprida, 40 anos, bem cumprida, sempre preservando o padrão Globo de qualidade. Valeu a pena e, sim, esse é meu jeito”, disse o matemático.
Para encerrar, as duas últimas previsões do Oswald de Souza. Segundo o Fantástico, o matemático Oswald de Souza tem 100% de chances de ser muito feliz nessa nova fase da sua vida. E o risco de a gente ficar com saudades é de 100%.
 
Oswald José Levy de Souza é um matemático brasileiro, engenheiro civil de formação.
Tornou-se conhecido a partir da década de 1970, quando calculava a probabilidade de acertos na loteria esportiva no programa Fantástico da Rede Globo. Também foi responsável pela criação do sistema de apostas do Jockey Club Brasileiro e da Quina da Caixa Econômica Federal. Acreditava-se que o matemático informava suas probabilidades para seus seguidores no seu Twitter, mas foi descoberto que o perfil na verdade era falso.[1]
 
 
Uma de suas atuações mais notórias é na elaboração do método usado nos debates eleitorais da Rede Globo, o que garante a isonomia entre os candidatos.[2]
O matemático Oswald de Souza, era o responsável pelo texto da zebrinha que anunciava o resultado das loterias no Fantástico. Conhecido como o maior especialista do assunto no Brasil, ele fez cálculos durante 19 anos na Rede Globo, para prever o número de acertadores. Diz que tinha um índice de 90% de acerto. Oswald acredita que o prêmio milionário deve sair no domingo 10. "As chances de a Mega Sena acumular são de apenas 3%", afirma. Mas ele faz questão de dizer que não existe palpite ou fórmula mágica para acertar as seis dezenas. "A Mega Sena é a loteria mais difícil do País e quem tentar cercar esse jogo vai se dar mal." 
 
A explicação é simples: se alguém estiver disposto a investir mais de R$ 593 mil para fazer uma combinação de resultados, com milhares de cartões, só vai conseguir chegar a uma cobertura de 30 números da cartela. O eventual jogador terá 1,19 % de chances. "É muito dinheiro envolvido para uma chance tão remota", diz. A Mega Sena nunca distribuiu um prêmio para mais de dois acertadores. Mas isso pode mudar no domingo. "Se pelo menos quatro dezenas sorteadas estiverem abaixo do número trinta, teremos um número recorde de acertadores", afirma o matemático.
 
"As pessoas insistem em apostar em números baixos, aproveitando datas de aniversário e casamento", conclui. Oswald joga, mas só arrisca os números quando o prêmio é gordo. Já acertou os 13 pontos da loteria esportiva dezenas de vezes, mas o máximo que conseguiu na Mega Sena foi marcar a quina. Ele costuma fazer uma aposta de R$ 28, escolhendo oito dezenas num mesmo cartão.
 
Doença em 2016 - Oswaldo de Souza teve espondilite e está mais alto após cirurgia.
 
Ele ‘cresceu’ cinco centímetros e meio depois de delicada cirurgia para retificar uma fratura na coluna, que ameaçava até deixá-lo paralítico, conforme contou ontem com exclusividade a coluna ‘Informe do Dia’.
 
Os médicos constataram a necessidade de estabilizar a coluna com uma prótese de aproximadamente 25 centímetros com hastes e parafusos de titânio. “A operação tinha que ser feita o quanto antes, para reduzir riscos de sequelas permanentes”, contou o ortopedista responsável pela cirurgia, Luiz Schettino.O matemático de 67 anos foi atropelado em junho por bicicleta no Flamengo. Por sete dias, não conseguia nem se deitar devido às dores. Uma tomografia revelou fratura numa vértebra entre a coluna torácica e a lombar.
 
Oswald já tinha desvio na coluna por espondilite anquilosante, doença que “cola” as vértebras. Por causa disso, tinha o corpo cada vez mais curvado para a frente e teve a altura diminuída de 1,74 metro para 1,64 metro e meio centímetro. Schettino e sua equipe aproveitaram para reparar o desvio, o que provocou o ganho na altura de Oswald. Assim, o matemático mede agora 1,70 metro.
 
Apesar de mais alto e com melhor postura, ele lembra com pesar das horas antes da operação e faz um apelo. “Nunca imaginei que sentiria tanta dor. Bicicletas são meio de transporte limpo e importante para as cidades, mas apelo para que os ciclistas observem o trânsito com cuidado e suas obrigações”, pede.
 
 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Novo Chat

   

Chat ao Vivo